rause blog

Maio com um novo recomeço: vinho Chocalan carménère + bruschetta de legumes

DSC_0050 P

“Chocalan” significa flores amarelas e era a denominação aborígene ao local onde hoje nascem os cachos desta uva praticamente renascida no Chile: a carménère. As videiras desta variedade eram da região de Bordeaux, na França, mas em 1860 foram dizimadas por uma praga conhecida como filoxera. Por um acaso do destino, em 1994 foram reencontradas no Chile algumas de suas cepas nascendo de intrometidas entre as videiras de merlot. E assim ressurgiu o plantio desta uva já considerada extinta em todo o mundo. A Quinta do Vinho do Rause apresenta em maio o Chocalan Carménère 2011, harmonizado com Bruschetta Mediterrânea para brindar um outono de recomeços.

Recomeço, inclusive, é uma boa palavra para contar a história de fundação da Viña Chocalan. Don Guillermo Toro Gonzalez era empresário no Chile vendendo garrafas de vidro para empresas de vinho. Em 1996 decide recomeçar seus negócios e se dedicar a produção dos seus próprios vinhos. Encontrou o local ideal no Vale do Maipo, onde fundou seu vinhedo e conseguiu extrair suas primeiras garrafas a partir de 2003.

O Chocalan Carménère 2011 apresenta uma presença marcante de frutas vermelhas e pimenta, evoluindo para um sabor de mocha ou chocolate. Na harmonização a leveza sutil de legumes puxados no azeite é logo quebrada pela presença do presunto de parma, desidratado até virar pequenos flocos – ou como prefere nosso sommelier,  até virar “purpurina”. “A bruschetta mediterrânea traz a leveza dos legumes e a força do parma, casando perfeitamente com as notas suaves das frutas do vinho e com sua estrutura adquirida no envelhecimento no carvalho”, analisa o sommelier Leo Oliveira.

A Quinta do Vinho apresenta todos os meses vinhos novos e marcantes, com aperitivos harmonizados para quem quer aprender sobre vinho ou simplesmente tomar uma taça pensando nos recomeços da vida.

 

Vinho do mês:

Chocalan 2011

Produtor: Vinhedo Chocalan

Uva: Carménère

País: Chile

Terroir: Vale do Maipo

Envelhecimento: 9 meses na barrica de carvalho.

Comentários

comentários

Powered by Facebook Comments