rause blog

Tô passada!

Quer saber como passar café no coador de papel, segundo o melhor barista do mundo?

Eis aqui Matt Perger, barista campeão mundial de café passado de 2012! Isso mesmo, café passado! E passado no coador de papel ainda por cima!

Já ouvi dizer que 93% da população brasileira prefere o café coado em filtro de papel ao espresso, e agora o resto do mundo parece que também anda apaixonado por esse método.

É graças aos japoneses da Hario que hoje podemos passar café em portas-filtro com design tecnológico e extremamente funcional. Oh:

O Hario V60 possui estas ranhuras espirais que direcionam a água ao passar pelo café. Além disso, o “buraco” dele é grandão embaixo, diferente dos outros portas-filtro que a gente já conhece. Este detalhe faz toda a diferença porque sem a barreira do porta-filtro, podemos trabalhar com um grão moído mais fino por exemplo.

Quando moemos o grão, controlamos a espessura do pó conforme o método que vamos preparar o café – coador de papel, french press, moka italiana, espresso, etc. Mas também podemos controlar a espessura do pó para obter diferentes nuances de sabor em alguns grãos. É por esta razão que nós baristas amamos tanto o Hario V60, ele adiciona uma variável nesse tipo de extração e abre um leque de novas possibilidades.

O coador de papel tem se tornado cada vez mais popular nas boas cafeterias por aí e aqui no Rause não poderia ser diferente. Da próxima vez que você vier nos visitar experimente o nosso D.O.C. passado no Hario V60, garanto que fica muito gostoso. Ou você achava que café especial só podia ser espresso?

Receita do vídeo:
12 gramas do café para 200 gramas de água a 97oC

 

Amanda Longo, barista..

Comentários

comentários

Powered by Facebook Comments